1
1

Nosolo Grupo

nosolo grupo foi criado para melhor aproveitar as valências existentes nos sectores em que as empresas que o constituem se movimentam.
Desta forma poder-se-á prosseguir com a continuação de uma gestão responsável capaz de responder às exigências e dinâmica do mercado.

No Solo Lda.
Alagoas Brancas 8400-424 Lagoa
Tel: 282 341 543 Fax: 282 341 545

Áreas de Actuação

O nosolo grupo actua segundo três vectores, que têm como denominador comum o estarem direccionados para as áreas do lazer:

  • Restauração (Pizzeria e Gelateria, Peixe e Cozinha Internacional);
  • Lazer (Disco Bar);
  • Produção de Gelados e Catering.

Inovação Vivemos o quotidiano à procura de novas soluções que adaptem a realidade do Grupo à realidade exterior, de modo a que possamos estar continuamente no patamar da qualidade e da excelência.

Empatia Todas as relações que se estabelecem dentro do Grupo são solidificadas graças a um forte espírito de camaradagem, que transparece para o exterior na forma amistosa e positiva como tratamos os nossos parceiros, fornecedores e clientes.

Distinção Colocamos nas nossas acções uma dedicação extrema, e na nossa imagem um cuidado único para podermos ser reconhecidos com distinção aos olhos de quem connosco se relaciona.

Historial

Criado em 2004, o nosolo grupo tem atrás de si um historial rico, que liga tradições e pessoas de dois países diferentes: Italia e Portugal.
Marco e Sandro são dois amigos italianos. A experiência em gestão de empresas que adquiriram no seu país natal, permitiu a identificação de um conjunto de oportunidades que se abriam num outro, Portugal. Estava-se no início da década de 80.
Lançados à aventura, e apaixonados pelo clima solarengo do Algarve, instalaram-se na região, dispostos a fazer obra, num país que ainda não fazia parte da então denominada Comunidade Económica Europeia.
Em 1982 abriram uma gelateria italiana em Portimão, a “Bella Italia”. A qualidade dos gelados rapidamente foi comprovada, com muitos restaurantes e cafés da região a encomendá-los.
O sucesso inicial permitiu a abertura de uma fábrica de produção de gelados em Parchal que distribui para diversos ponto do país. Hoje tem mais de 250 clientes.
A partir de meados da década de 90, foram abrindo outras gelaterias “Bella Italia” noutros pontos do Algarve, algumas delas com a valência extra de pizzeria.
Nesta altura o crescimento do grupo exigiu o reforço da equipa de gestão, que recebeu os contributos de Franco, e mais tarde de Filippo, ambos irmão de Marco.

A presença no sector da restauração, ganha maior expressão com a abertura do Tabuinhas, um restaurante em Vilamoura, do Vô Filipe, um restaurante de Portimão especializado em peixe, e com a remodelação do Cletonina, um restaurante italiano na Praia da Rocha que agora ganha competências de enoteca.
Também possuem dois disco bares. Um na praia de Vilamoura — o NoSoloÁgua —, e outro com características de discoteca, o Capicua, situado na Marina de Portimão. Este último conjuntamente com Simone, um outro amigo italiano.
Já mais recentemente foi criada a No Solo, Lda., uma empresa de catering, que também funciona como central de compras.
Esta história de 22 anos, tem em 2004 um marco importante com uma reorganização estratégica das empresas, que ficaram sob a alçada de uma marca representativa de todo o grupo económico: o Nosolo Grupo. Criou-se uma nova marca “Nosolo Italia” que substituiu o nome “Bella Italia” para possibilitar o franchising da marca.

Press

A origem do gelado não é clara, existem várias versões, há quem diga que vem dos árabes e dos Chineses, certo é que quem o trouxe para a Europa foram os Árabes.
Antigamente o gelado chamava-se «Sberbeth», ou seja «Neve Doce» em Árabe, que originou a actual palavra de «Sorvete», tratando-se de uma bebida gelada obtida da mistura da neve com mel e sumos de fruta.
A palavra gelado apareceu somente no século XVI ano de 1565 na família Nobil de Medici de Firenze (Italia). O gastrónomo Bernardo Buontalenti, aperfeiçoou o método, com a mistura de ingredientes obtendo assim os «Dolce Gelados».
Cerca de 100 anos depois o palermitano Procopio, também de Italia, inventou uma máquina onde consegue uma grande melhoria na qualidade do gelado propagando-se assim para todo o mundo sempre através de empreendedores italianos. O veneziano Sartelli conquista Londres, o napolitano Tortoni, em Paris, inventa o gelado entre bolachas e o genoves Bosio abre a primeira gelataria em New York.
Com o passar dos anos o gelado sofreu grandes modificações deixando de usar não só mel e sumos, mas também leite, natas e ovos…